caedjus.com

Entrevista com Cláudia de Moraes Martins Pereira – Coordenadora de GT do CAED-Jus 2021

A entrevistada desta vez é Cláudia de Moraes Martins Pereira

Cláudia Moraes Martins Pereira é Organizadora da Revista Buriti. Edição Especial – Temas de Direito. É também coordenadora do GT Direito Privado do CAED-Jus 2021.

Confira a entrevista:

1) Você foi selecionado(a) para coordenar um dos Grupos de Trabalho do CAED-Jus. Nos conte um pouco como foi a sua trajetória acadêmica até esta seleção.

Sou professora universitária desde 2001, inicialmente na Universidade Federal do Amazonas – UFAM, das disciplinas de Direito das Obrigações e Contratos e do Núcleo de Prática Jurídica – NPJ. Em 2003 passei a atuar na Universidade do Estado do Amazonas – UEA, na qual estou até hoje e leciono as disciplinas de Direito das Famílias, Direito das Sucessões e Direito da Criança e do Adolescente. Na UEA atuo no Grupo de Pesquisa MARBIC – Clínica de Mecanismos de Soluções de Conflitos e tenho um projeto chamado Juris Drama – Casamento Simulado. Membro do Comitê de Políticas Indígenas – Acesso e permanência dos discentes – na UEA.

2) O que mais lhe chamou atenção no CAED-Jus?

A diversidade de linhas para publicar. Tenho alunos que pesquisam nas diversas áreas do Direito e o CAED-Jus sempre tem uma linha que acolhe os artigos.

3) A temática do seu GT é fundamental para pensar o direito de maneira interdisciplinar. O que você concebe como principal desafio da sua temática?

Justamente a interdisciplinaridade. Estabelecer as relações entre as disciplinas sempre se mostra um desafio em qualquer temática. Sempre oriento muitos alunos nos seus artigos e exijo a interdisciplinaridade. Como trabalho muito com o Direito das Famílias e das Sucessões vejo uma dificuldade dos discentes em compreender a necessidade de buscar soluções em outras áreas para enriquecer a pesquisa.

4) Bom, outras pessoas vão se espelhar em você para participarem das próximas iniciativas do CAED-Jus. Que outras dicas você daria para que possam produzir textos de qualidade e inovadores?

Sempre aconselho que na produção de textos deve-se, inicialmente, procurar um tema em que o autor tenha familiaridade e gosta de trabalhar. Quando se gosta do tema a escrita flui com muita facilidade. É muito importante que esse tema seja inovador, instigante. Deve-se evitar temas batidos, repetitivos. A inovação é sempre recomendada.

 

Gostou da entrevista? Não esqueça de comentar e compartilhar.

 

A propósito, você já submeteu seu trabalho ao próximo evento do CAED-Jus? Você pode acessar o site do CAED-Jus em www.caedjus.com/eventos e se inscrever no próximo evento programado com um artigo de sua autoria. Aproveite esta oportunidade!

 

Posted in

CAED-Jus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.