caedjus.com

Entrevista com Fernando R. M. Bertoncello – Coordenador de GT do CAED-Jus 2019

O entrevistado desta vez é Fernando R. M. Bertoncello.

Fernando R. M. Bertoncello é Doutorando em Direito Político e Econômico pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (defesa em agosto/2019), com período de pesquisa sanduiche na Universidade de Miami; Mestre em Direito Internacional pela Universidade de Miami; Mestre em Direito Politico e Econômico pela Universidade Presbiteriana Mackenzie; Especialista em Direito e Processo Civil pela Universidade Candido Mendes; Especialista em Direito Publico pela Universidade Candido Mendes; Bacharel em Direito pela Universidade Presbiteriana Mackenzie; Advogado; Professor de Direito e Coordenador do GT Direito e Relações Internacionais do CAED-Jus 2019.

 

Confira a entrevista:

1) Você foi selecionado(a) para coordenar um dos Grupos de Trabalho do CAED-Jus. Nos conte um pouco como foi a sua trajetória acadêmica até esta seleção.

A vida acadêmica sempre foi minha vocação. Cursei letras na Universidade de São Paulo já focando na vida acadêmica. Eventualmente migrei para o Direito, mas nunca consegui largar a docência e a pesquisa. Natural de São Paulo, passei a infância e adolescência em São Bernardo do Campo. Voltei para São Paulo para estudar. Advoguei em diversas áreas, mas sobretudo no mercado financeiro. Comecei a dar aulas de direito um ano depois de ter saído da graduação. Fui professor convidado do Mackenzie, da Escola Paulista de Direito e também do CPP concursos. Hoje moro e advogo nos Estados Unidos, onde cursei meu segundo Mestrado em Direito Internacional. Por aqui, procuro me engajar em pesquisas cientificas como o CAED-Jus: eventos democráticos e que foquem na internacionalização do conhecimento.

2) O que mais lhe chamou atenção no CAED-Jus?

O fato de ser um evento democrático. Com edital de participação e regras claras (transparência). Também pelo fato de ser online, o que reforça ainda mais o caráter democrático, porque torna o evento mais acessível.

3) A temática do seu GT é fundamental para pensar o direito de maneira interdisciplinar. O que você concebe como principal desafio da sua temática?

Creio que a opinião pública desde a Segunda Guerra Mundial não tenha se referido tão veementemente a ordem internacional como tem se referido hoje. As relações internacionais e o Direito Internacional a cada dia se tornam instrumentos mais importantes para a promoção da paz. Ao mesmo tempo, cada vez questiona-se mais se são capazes de promover a paz. Diante desse contexto, observar a construção do Direito Internacional e o diálogo que precisa travar com o mundo de hoje (Revolução Industrial 4.0, Mudanças Climáticas, Crise de Refugiados, Gênero, Discriminação) tornou-se essencial para uma pesquisa cientifica efetiva.

4) Bom, outras pessoas vão se espelhar em você para participarem das próximas iniciativas do CAED-Jus. Que dica final você daria para que possam produzir textos de qualidade e inovadores?

Eu tive um professor na graduação que me deu a seguinte orientação para meu TCC: “sente e escreva”. Uso esta técnica até hoje. Claro que você precisa ler (e muito), claro que a boa pesquisa necessita de muita leitura, necessita que você reestruture seu texto diversas vezes; mas se você não começa a colocar suas ideias no papel já desde o começo tudo parece que fica mais difícil. A partir desta técnica, você percebe que não é mais você que conduz o seu texto, mas ele éuem conduz para onde vai sua pesquisa.

 

Gostou da entrevista? Não esqueça de comentar e compartilhar.

 

A propósito, você já submeteu seu trabalho ao próximo evento do CAED-Jus? Você pode acessar o site do CAED-Jus em www.caedjus.com/eventos e se inscrever no próximo evento programado com um artigo de sua autoria. Aproveite esta oportunidade!

 

Posted in

CAED-Jus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.